domingo, 18 de julho de 2021

L sol de las froles



Solo para saber

La fala, la chama

I l oulor

De las froles

De la Toscana

Corri balhes, prainadas

Lhunas i airaçadas

 

I hoije  bien senti

La calor de las pessonas

I l carino

De ti

 

Tue ye l'arte sagrada

I las quelores de la palabra

I siempre miu

L sol de las froles.

 

Teresa Almeida Subtil




17 comentários:

  1. He disfrutado de un inmenso placer leyendo sus delicados versos y también he prestado atención al vídeo que no solo es canción sino que narra una interesante relación. Gracias por compartirlo. Saludos muy afectuosos y cordiales.

    ResponderEliminar
  2. Gostei muito de teu poema,Teresa!Adorei! Linda semana! beijos, chica

    ResponderEliminar
  3. O sol da Toscana... também no calor das suas palavras, Teresa... muito bem acompanhadas por um tema musical, que não conhecia, e que adorei descobrir!
    Um beijinho! Estimando que tudo esteja bem, aí desse lado!
    Feliz semana!
    Ana

    ResponderEliminar
  4. Soa bem ler assim o poema. As flores e o sol que nos oferecem. O vídeo faz-nos querer ir até à Toscana.
    Continua a cuidar-te bem, Teresa.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  5. A poesia a fluir das flores e do amor sob o sol cristalino de ambos os lugares. Muito bom, Teresa!
    Cuidando-se, minha amiga!
    Uma boa semana um beijo!

    ResponderEliminar
  6. Olá Teresa,
    Acho que consegui entender o mirandês!...
    Isto vai aos poucos. !!!

    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  7. Senti esse sol, através das suas melodiosas palavras, da imagem e do vídeo maravilhoso.

    Um beijinho ,Teresa.

    ResponderEliminar
  8. Percebi o poema quase todo, mas não sei bem o que são brincadeiras da Toscana... o mirandês não é fácil...
    Também gostei da música escolhida, bem a propósito do sol das flores e da Toscana.
    Bom fim de semana, amiga Teresa.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  9. palavras belas - asspm ditas

    beijo, Teresa

    ResponderEliminar
  10. Olá, Teresa, presumo que o poema é muito mais lindo do que a tradução, elas são feitas ao pé da letra, o que apaga a poesia e a emoção.
    Uma ótima semana, com saúde e esperança, amiga.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  11. Querida Teresa

    Poema cálido numa língua doce e maravilhosa - o Mirandês.
    Percebi tudo ou quase. Saboreei cada verso e o uolor de las froles chegou-me aqui com toda a intensidade.
    Voltarei para ouvir "Sob o Sol da Toscana".
    Beijinhos
    Olinda

    ResponderEliminar
  12. Belo o vídeo que nos traz a magia da Toscânia.
    Obrigada, amiga Teresa.
    Bj

    ResponderEliminar
  13. Uma espécie de nostalgia que nos embala nesse canto melódico do mirandês com o encanto das flores e música
    Como gostei, querida Teresa

    ResponderEliminar
  14. O meu mirandês ainda não me permite decifrar a alma do teu poema. Contento-me com o aroma imaginário das flores e com o maravilhoso vídeo Sob o Sol da Toscana!

    Uma boa semana para ti, Teresa.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  15. Muito belo, querida amiga.
    A Toscana também me encanta, Beijinhos.
    ~~~~

    ResponderEliminar

Cativa-me